Arquivo para abril 2013 | Página mensal de arquivo

Golfistas e enólogas unidas na troca de experiências e vivências

No âmbito do patrocínio da marca Wines of Portugal ao Tour Internacional de Golf– Ladies European Tour  – LET, a ViniPortugal está a promover um encontro entre três golfistas internacionais e três enólogas. As golfistas internacionais Daniela Holmqvist, sueca, Holly Emma Aitchison, inglesa, e Marion Ricadeau, francesa, chegaram ontem Portugal e vão estar até ao final do dia de hoje a trocar experiências e vivências com as enólogas Martta Simões, Sandra Tavares da Silva e Susana Esteban

As três golfistas estão a ensinar as três enólogas a jogar golfe e as enólogas estão transmitir às golfistas como se faz um vinho. Este encontro é promovido nos dias 29 e 30 de Abril, em vários campos de golf perto de Lisboa, nomeadamente Quinta da Marinha e Penha Longa. 

São dois dias intensos mas vividos num ambiente informal de convívio. As enólogas não vão fazer apresentações exaustivas dos vinhos mas sim partilhar a sua história de vida e cada enóloga desenvolverá um tema na sua apresentação.

As três enólogas representam regiões vinícolas diferentes: Susana Esteban está a desenvolver projectos no Alentejo e na região dos Vinhos Verdes, enquanto a Martta Reis Simões está a trabalhar na região do Tejo e a Sandra Tavares da Silva nas regiões de Lisboa e Douro.

O apoio da ViniPortugal ao Tour Internacional de Golf – Ladies European Tour – LET representa um investimento da  marca Wines of Portugal na associação do vinho português ao golf e aos torneios internacionais, desenvolvendo uma aproximação a um target extremamente interessante.  Os vinhos portugueses posicionam-se pela elevada performance ao nível da qualidade, resultado da aposta no desenvolvimento técnico e do empenho dos produtores nacionais que imprimem arte e engenho aos seus vinhos.

Fonte:  Wines of Portugal

Vinhos portugueses no Canadá e EUA

Toronto acolhe hoje, dia 29 de Abril, a Prova Anual dos Vinhos Portugueses. Os diversos produtores que participam nesta acção de promoção internacional viajarão posteriormente para integrar as Provas Anuais que serão realizadas em Nova Iorque, Washington DC, Chicago e San Francisco, nos EUA, nos dias 30 de Abril e 2, 7 e 9 de Maio. Um total de 80 produtores marcará presença nas várias provas internacionais. 

“EUA e Canadá são dois mercados de importância estratégica para os Vinhos de Portugal, pelo seu potencial de crescimento. Mas os EUA ganham ainda mais relevância pelo facto de serem um mercado ‘montra’. Tudo o que aqui se passa tem reflexos nos outros mercados. Em valor os EUA são já hoje o maior mercado importador. Por outro lado sendo não um mas 52 mercados estaduais há que alargar as acções para além das 2 cidades onde habitualmente temos maior presença.” explica Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal.

“Tanto o Canadá como os EUA continuam a ser mercados estratégicos prioritários para a promoção das exportações nacionais. O Canadá afirmou-se como o melhor mercado em termos de preço médio para as exportações de vinho português e o mercado dos EUA continua com um elevado potencial de oportunidade e crescimento para as exportações da produção nacional, posicionando-se como o quarto principal destino das exportações de vinho português, tendo crescido 8,4% em valor em 2012.” acrescenta o mesmo responsável. 

Nas várias provas do Canadá e EUA são aguardados 600 visitantes em cada cidade – público consumidor, trade e jornalistas – aos quais será dada possibilidade de degustarem a variedade dos vinhos portugueses.

Mais informações sobre as provas:

Prova Toronto:

Horário Trade: 2:30pm as 5pm
Horário Consumidor: 5pm as 7:30pm
Número de Agentes Económicos: 22
Inclui um seminário sobre Vinhos Portugueses orientado por Christopher Seely

Prova NYC:

Horário Trade: 2pm as 5pm
Horário Consumidor: 5:30pm as 8pm
Número de Agentes Económicos: 48
Master Class sobre Vinhos Portugueses apresentada pelo MS Evan Goldstein

Prova Washington DC:

Horário Trade: 2pm as 5pm
Horário Consumidor: 5:30pm as 8pm
Número de Agentes Económicos: 25
Master Class sobre Vinhos Portugueses apresentada pelo MS Evan Goldstein

Prova Chicago:

Horário Trade: 2pm as 5pm
Horário Consumidor: 5:30pm as 8pm
Número de Agentes Económicos: 53
Master Class sobre Vinhos Portugueses apresentada pelo MS Evan Goldstein
Master Class sobre Vinho Verde apresentada pelo MS Keith Goldston

Prova S.Francisco:

Horário Trade: 2pm as 5pm
Horário Consumidor: 5:30pm as 8pm
Número de Agentes Económicos: 42
Master Class sobre Vinhos Portugueses apresentada pelo MS Evan Goldstein
Master Class sobre Vinho Verde apresentada pelo MS Keith Goldston 

Fonte:  Wines of Portugal

Vinhos portugueses à conquista do Brasil

O regresso dos vinhos portugueses à Expovinis Brasil, em São Paulo, de 24 a 26 de Abril, marca o reforço da promoção dos produtores portugueses neste importante mercado para as exportações nacionais, ultrapassada a sombra da possível imposição de taxas alfandegárias.

No âmbito da promoção dos vinhos portugueses no mercado brasileiro, que acolhe o segundo maior investimento da ViniPortugal no valor de um milhão de euros, serão ainda organizadas em 2013 duas provas anuais em São Paulo e Rio de Janeiro, nos dias 25 e 27 de Junho, Sommelier Competition em Maio, acções de formação e em Setembro será apresentada a selecção de Dirceu Viana Júnior dos 50 melhores vinhos portugueses para o mercado brasileiro. 

Na Expovinis dois Sommeliers acolherão os visitantes no stand de Portugal e darão a conhecer os 46 produtores, disponibilizando ao público visitante toda a informação sobre os vinhos em prova e sobre as novidades exibidas na mostra. Os produtores nacionais procurarão conquistar os distribuidores e compradores que visitem a feira, demonstrando que os vinhos portugueses se destacam pela qualidade, cultura e tradição.  

No evento serão realizados dois seminários: um com José Maria Santana, no dia 24 de Abril, às 19h30 sobre “Portugal – a escolha do enólogo, descubra vinhos únicos” e outro com Arthur Azevedo, no dia 25 de Abril, pelas 19h30, subordinado ao tema “Portugal, vinhos premiados”. A par do evento será organizada uma acção de data huntig – Wine Tag  e os expositores vão poder participar na Rodada de Negócios da Expovinis, nos dias 25 e 26 de manhã, na qual terão possibilidade de agendar reuniões exclusivas.

Para Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, “com a meta de crescimento de 25% num período de 3 anos, a ViniPortugal contínua a apostar no Brasil, ciente das oportunidades que este mercado concentra. A Expovinis tem sido uma montra importante para os vinhos portugueses no mercado brasileiro, criando uma aproximação com os públicos on e off trade. A aposta da ViniPortugal continuará no reforço da afirmação dos vinhos portugueses pela qualidade e diversidade, focada na educação e formação de líderes de opinião e profissionais Horeca.”

Fonte:  Wines of Portugal

Inscrições para Concurso Vinhos de Portugal prolongadas até 24 de Abril

A ViniPortugal prolongou até ao dia 24 de Abril as inscrições para o Concurso Vinhos de Portugal. No entanto, estas submissões terão o acréscimo de 25% ao valor estipulado. Excepção para os Vinhos do Porto Vintage 2011, Vinhos de Colheita Tardia e Vinhos Biológicos. 

No Concurso Vinhos de Portugal estão inscritos até ao momento 980 vinhos nacionais. Apesar da elevada afluência em termos de participação, a ViniPortugal, enquanto entidade organizadora da prova, continua a incentivar a inscrição de mais produtores.

Para Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, “Podemos estar a aproximar-nos de um momento único, pois nunca até agora tantos vinhos portugueses estiveram em concurso expostos a um tão vasto leque de jurados com um caracter fortemente internacional e esta é a força que queremos transmitir dos nossos vinhos. Portugal é sem dúvida um excelente produtor de vinhos com muita qualidade e são muitos os produtores que contribuem para esta excelência”. 

O evento será realizado de 13 a 17 de Maio, em Santarém, no âmbito da parceria estabelecida entre a ViniPortugal, CNEMA,IVV, IVDP, IVBAM, ANDOVI e Revista de Vinhos. 

 

 
Fonte:  Wines of Portugal

Prova vertical de vinhos tintos de Domingos Alves de Sousa

Domingos Alves de Sousa apresenta os seus vinhos em Prova Vertical no dia 20 de Abril, pelas 16h30, na Sala de Provas dos Vinhos de Portugal, da ViniPortugal, no Palácio da Bolsa, no Porto.

Os 8 vinhos tintos, com diferentes perfis, serão comentados pelo próprio Domingos Alves de Sousa acompanhado pelo seu filho Tiago Alves de Sousa, uma dupla que tem surpreendido e granjeado o reconhecimento nacional e internacional.  

Domingos Alves de Sousa é uma personalidade referência no mundo dos vinhos tranquilos do Douro. Muito embora já tenham passado mais de 20 anos sobre o lançamento do seu primeiro vinho – o Quinta da Gaivosa 1992 – este produtor tem conseguido manter a tradição da qualidade dos vinhos do Douro transmitindo-lhe um cunho de modernidade.   

As inscrições para a prova poderão ser efectuadas pelo e-mail sala.ogival.porto@viniportugal.pt, mediante o pagamento de 5€. Outras informações poderão ser solicitadas a Daniela Macedo, através deste mesmo endereço de e-mail ou do telefone 22 33 23 072/ 96 637 11 02.  

Fonte:  Wines of Portugal

Olly Smith revela os 50 melhores vinhos para o Reino Unido

Surpreendido pela variedade, talento e carácter único dos vinhos portugueses, o crítico de vinhos e apresentador de televisão procurou sugerir boas compras, incidindo a sua escolha em vinhos com uma extraordinária relação qualidade preço, com preços de venda ao público entre as £7 e as £30 libras.

Olly Smith realçou que “Os vinhos portugueses são um tesouro com joias ocultas e considero que nunca houve um melhor momento para explorar a exaltação de sabores excepcionais de Portugal através dos seus vinhos. Das praias às montanhas selvagens, a habilidade de enólogos locais dedicados à série impressionante de uvas de castas autóctones portuguesas deve ser provada para poder ser reconhecida.”

Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, afirma que “Olly Smith respondeu ao desafio que a ViniPortugal lhe lançou de procurar vinhos best value, uma escolha sugerida a pensar no mercado, pois sabemos que dada a conjuntura económica os consumidores ingleses procuram boas compras e os vinhos portugueses têm a vantagem de poder oferecer qualidade e diversidade de castas a preços muito atrativos”.

“Os vinhos portugueses têm conquistado a crítica mas o mercado do Reino Unido é extremamente competitivo e aberto ao Novo Mundo, pelo que não tem sido fácil aos produtores europeus reconquistarem a relevância que já tiveram.” acrescenta o mesmo responsável.


Selecção 50 melhores vinhos portugueses para o mercado do Reino Unido por Olly Smith

Vinhos brancos

1. Vales de Ambrães – Avesso 2012 | Vinho Verde

2. Casa da Senra 2012 | Vinho Verde

3. Soalheiro 2012 | Vinho Verde

4. Alvarinho Solar de Serrade 2012 | Vinho Verde

5. FP 2012 | Bairrada

6. Quinta da Raza Arinto 2012 | Vinho Verde

7. Montes Ermos Reserva 2011 | Douro

8. Beyra Quartz 2011 | Beira Interior

9. Redoma 2011 | Douro

10. Quinta de la Rosa 2011 | Douro                               

11.  Pato Frio Antão Vaz 2011 | Alentejo

12. Vinhas do Lasso 2010 | Lisboa

13. Dona Ermelinda 2011 | Península de Setúbal

14. Valle Pradinhos 2011 | Trás-os-Montes

15. Muros de Melgaço 2011 | Vinho Verdes

16.  Quinta de Saes Encruzado 2011 | Dão

17. Quinta dos Roques Encruzado 2011 | Dão

18. Esporão Reserva 2011 | Alentejo

19. Arenae 2010 | Lisboa

Vinhos Tintos

20. Marquês de Borba 2011 | Alentejo

21. Almeida Garrett, DOC Beira Interior TNT 2010 | Beira Interior

22. Sexy 2011 | Alentejo

23. Zéfyro 2009 | Alentejo

24. Altano Quinta do Ataíde Reserva 2009 | Douro

25. PAPE 2010 | Dão

26. Claudia’s 2009 | Douro

27. Manoella Douro 2010 | Douro

28. Quinta Nova – Colheita 2010 | Douro

29. F’OZ 2011 | Alentejo

30. Palpite 2010 | Alentejo

31. Poeira 2010 | Douro

32. Vertente 2009 | Douro

33. Casa Cadaval Trincadeira Vinhas Velhas 2009 | Tejo

34. Tinto da Ânfora 2010 | Alentejo

35. Duas Pedras 2011 | Alentejo

36. Crasto Superior 2010 | Douro

37. Quinta de Foz de Arouce 2009 | Beiras

38. Quinta dos Quatro Ventos 2009 | Douro

39. Aliança Bairrada Reserva 2011 | Bairrada

40. Quinta dos Roques 2010 | Dão                                        

41. Esporão Reserva 2010 | Alentejo

42. Cedro do Noval 2009 | Douro

43. Julia Kemper Touriga Nacional 2009 | Dão

44. CH, Chocapalha 2009 | Lisboa

45. Quinta de la Rosa Reserve 2010 | Douro

46. Quinta do Sagrado Reserva 2007 | Douro

Vinhos fortificados

47. Henriques & Henriques Verdelho 15 Years Old | Madeira

48. Adega Coop. Favaios Moscatel de Favaios Colheita 1980 | Douro

49. Família Horacio Simões Bastardo 2009 | Península Setúbal

50. Dow’s Quinta do Bomfim 2001 Vintage Port | Douro

Fonte:  Wines of Portugal

Vinhos portugueses premiados no Challenge International du Vin

Portugal conquistou um total de 145 medalhas, mais especificamente 50 medalhas de ouro, 32 medalhas de prata e 63 medalhas de bronze. Este ano, o concurso atribuiu também prémios em quatro categorias especiais: uma para vinhos do Alentejo, outra para vinhos biológicos e as restantes para vinhos produzidos na região de Blaye e em Bourg. Na categoria especial “Alentejo”, foram premiados os vinhos Monte Penedo Gordo Reserva tinto 2010 e Adega de Borba Reserva branco 2011.

Nesta edição do concurso, Portugal concorreu com 477 amostras de vinhos que foram avaliados por um painel de cerca de 800 provadores. 
Fonte:  Wines of Portugal

Vinho a copo no Indie Lisboa

A campanha A Copo da ViniPortugal associa-se ao IndieLisboa – o Festival Internacional de Cinema Independente – para promover as vantagens do consumo de vinho a copo neste evento referência do panorama cultural nacional e internacional.

O Wine Bar “a copo!” marcará presença nas sessões de abertura e de encerramento. O sommelier convidará o público amante de cinema a degustar vinhos nacionais, procurando sensibiliza-los para a valorização do conceito de vinho a copo e dos benefícios desta opção, que proporciona diversas alternativas de escolha.         
                                                                                     
Em 2013 a ViniPortugal reforça a participação da campanha “A Copo!” em diversos eventos nacionais âncora, nos quais procurará informar e persuadir o público consumidor para a opção do vinho a copo, associada a um consumo moderado em ambiente descontraído. 

 
Fonte:  Wines of Portugal

Vinhos portugueses em tour pelo Brasil até Setembro

Os vinhos portugueses partem esta semana para novas formações, que serão realizadas até Setembro em várias cidades brasileiras. No total serão organizadas 26 formações sobre vinhos portugueses, de acesso gratuito, para profissionais do canal Horeca e off trade e City Tastings para líderes de opinião. Os interessados poderão inscrever-se através de e-mail.

A ViniPortugal reforça a aposta em formação no Brasil, iniciada em 2012, e lança o nível III da formação em Vinhos de Portugal com o objectivo de proporcionar um mais profundo conhecimento sobre o vinho português aos profissionais do canal Horeca e off trade, importantes influenciadores junto dos consumidores finais na escolha de um vinho.

Cerca de 800 profissionais deverão integrar as 26 formações – 10 do nível III e 16 do nível II. Com a duração de 6 horas, as formações serão focadas nos vinhos portugueses e incluirão a degustação comentada de vários rótulos. Os melhores alunos serão novamente premiados com uma viagem a Portugal.

A ViniPortugal retoma ainda a organização de City Tastings para jornalistas e líderes de opinião do mercado brasileiro. São jantares harmonizados com vinhos portugueses em conceituados restaurantes de vários estados, que contam com a participação de reputados chefes portugueses e brasileiros.

A Sommelier Competition apresenta-se como o trunfo final do plano de promoção dos vinhos portugueses no Brasil. Lançado este ano pela primeira vez – em conjunto com duas instituições de educação profissional brasileiras – SENAC de São Paulo e Rio de Janeiro -, este concurso pretende incentivar a formação e a competição entre Sommeliers, cativando o interesse deste público para o vinho português e tornando-os embaixadores dos néctares nacionais junto do público brasileiro, muito interessado em vinho estrangeiro e com uma ligação histórica muito positiva a Portugal

Para Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, “o Brasil é um mercado onde a marca Portugal tem uma imagem positiva mas torna-se necessário prosseguir de forma intensa com a educação dos públicos profissionais, sejam escanções ou chefes de cozinha, jornalistas ou decisores de compra. Embora Portugal se posicione actualmente como o quarto fornecedor de vinho do mercado brasileiro e este continue a revelar-se um mercado muito atrativo, não podemos perder de vista que estamos a competir não só com países como o Chile ou Argentina, que beneficiam de isenção de taxas aduaneiras, mas também com vinhos europeus sérios concorrentes”.

“Os vinhos portugueses têm ainda um elevado potencial de crescimento neste mercado, pois os consumidores brasileiros são interessados e procuram cada vez mais produtos diferentes, que proporcionem novas experiências. Os decisores de compra e os consumidores devem ser conquistados pela consistência de qualidade dos vinhos produzidos a partir de castas autóctones. São vinhos de terroir diferentes dos nossos concorrentes e estes atributos devem ser valorizados com o apoio de um esforço de comunicação e educação muito árduo e persistente” afirma o mesmo responsável.

Fonte:  Wines of Portugal

Olly Smith apresenta 50 melhores vinhos para o Reino Unido

O conceituado crítico de vinhos e apresentador de televisão britânico Olly Smith revela a sua selecção dos 50 melhores vinhos portugueses para o mercado do Reino Unido no próximo dia 18 de Abril, a partir das 19h, no Paramount, no centro de Londres.

Conhecido pela sua participação no programa da BBC1’s Saturday Kitchen, transmitido na BBC, Olly Smith tem-se dedicado a degustar vinhos portugueses procurando elaborar uma selecção que demonstre o talento e o caracter único dos vinhos portugueses. Best Value é o tema da edição deste ano dos 50 melhores, pelo que Olly Smith procurou ainda sugerir boas compras, isto é vinhos com uma excepcional relação qualidade preço, com preços entre as £7 e as £30 libras inglesas.

Para Olly Smith “Os vinhos portugueses são um tesouro com jóias ocultas e considero que nunca houve um melhor momento para explorar a exaltação de sabores excepcionais de Portugal através dos seus vinhos. Das praias às montanhas selvagens, a habilidade de enólogos locais dedicados à série impressionante de uvas de castas autóctones portuguesas deve ser provada para poder ser reconhecida.”

Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, salienta que “a apresentação dos 50 melhores vinhos portugueses para o Reino Unido é uma oportunidade de refirmação do carácter distinto dos vinhos de Portugal neste mercado, com extrema importância ao nível de formação de opinião e liderança de tendências seguidas por outros mercados a nível mundial”.

“A ViniPortugal tem convidado nos últimos anos diversas individualidades e especialistas a selecionarem os melhores vinhos portugueses e tem sido fascinante assistir à forma como se deixam cativar e surpreender pelos nossos vinhos e pelas nossas castas. Tenho a certeza que Olly Smith surpreenderá os líderes de opinião ingleses com a sua proposta dos 50 melhores vinhos portugueses na categoria Best Value. Espero que também ele se deixe conquistar pela qualidade dos nossos vinhos e se torne seu embaixador” defende o mesmo responsável.

Fonte:  Wines of Portugal